PM atropela formigão na perimetral

Ele levava quase meio de maconha na pochete e na cueca… e em sua casa havia mais! A prisão aconteceu na hora do ‘chá das cinco’ desta quarta, 20, no bairro São Camilo.

Passava pouco das cinco horas abafadas da tarde quando os policiais em moto patrulhamento viram um guampudo sair da Baixada do Mandú pilotando uma Yamaha YBR vermelha, com pinta de somongó e entrar na Perimetral, e passaram a segui-lo. Ao perceber o olhar perscrutador dos policiais, confirmando o velho ditado que diz que “quem deve teme”, o motoqueiro ‘temeu & tremeu’, e tentou dobrar a serra do cajuru. Enquanto descia a famosa avenida acelerando o máximo que podia sua motoca vermelha, o motoqueiro foi dispensado a prova do crime. A essa altura já havia três policiais motorizados na sua sombra. Um deles parou para recolher o ‘motivo’ da fuga: dois belos tabletes de maconha. Ao ser abordado numa quebrada do bairro São Camilo e submetido à busca pessoal, o mula ainda levava outro tijolinho de cannabis com ele. A droga estava na cueca. Na casa do ‘formigão’, na rua Padre Natalino, os policiais encontraram mais um tablete da erva ‘marvada’.
Ademilson da Silva Nogueira, o “Minduri”, 33, figurinha fácil no álbum da policia por envolvimento com drogas, apesar de estar saindo do bairro pilotando a motoca vermelha – certamente para fazer entrega em domicilio – alegou que a droga era para seu consumo.
Mas não teve choro e nem vela e nem fita amarela… Minduri sentou ao piano, assinou o 33 – de novo – e foi se hospedar no Hotel do Juquinha!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s