Tensão no Forum de Pouso Alegre

Dezenas de parentes, amigos e policiais usavam essa camiseta no Fórum...

Dezenas de parentes, amigos e policiais usavam essa camiseta no Fórum…

A data não poderia ser mais significativa. Exatamente um ano depois de ter assaltado a lotérica e matado o Sub-tenente Gabriel , os assassinos sentam no banco dos réus. Mas não foi a primeira vez. O juiz que preside o processo, e deve finalmente dar um veredicto, é o terceiro no caso!
E como das vezes anteriores o clima esteve tenso nas dependências do Forum Orvieto Butti no bairro Santa Rita em Pouso Alegre hoje à tarde. Amigos e familiares do policial assassinado e familiares dos assaltantes, que desde a data do crime estão atrás das grades, tem acompanhado de perto as audiências. Os familiares do policial naturalmente querem que os latrocidas sejam punidos. Os familiares, ao menos do mecânico Jean Felipe, alegam que ele é inocente.

DSC04219

Relembre o caso:
No meio da tarde de sexta, 14 de março, dois motoqueiros entram na casa lotérica da Praça Garcia Coutinho. Um deles aponta um trabuco e anuncia o roubo. Sob o olhar estupefato dos clientes, inclusive do Sub-tenente Gabriel Alvarenga, que, à paisana, como os demais tentaram a sorte na loteria, vivem instantes de tensão na mira do trezoitão! Até que os assaltantes saem estabanados levando a bufunfa. Tão estabanados que não conseguiram de imediato ligar a moto para a fuga.
Os poucos segundos que a dupla de assaltantes perdeu para fazer a moto pegar, foi o suficiente para o policial se decidir e tentar evitar o roubo. Agachado na beira da rua, em posição de defesa, com a pistola em punho ele deu a clássica ordem;
– Pare! É a policia!
A resposta dos ladroes foi um tiro. Um único tiro disparado pelo assaltante da garupa, de cima para baixo, acertando o policial… O policial também atirou! E acertou. O tiro do policial pegou de raspão o assaltante em fuga. O tiro do assaltante atingiu a região femural do policial! Quase tão letal quando o lado esquerdo do peito. O policial morreu cerca de doze horas depois.
Os dois assaltantes dobraram a serra do cajuru pela Getúlio Vargas e minutos trocaram a moto por um Passat na travessa Santos Patrício, no bairro das Saúde. E foram vistos. Algumas horas mais tarde os policiais encontraram o carro na porta de uma oficina mecânica no bairro Jardim São João! Através do carro rapidamente chegaram aos seus donos e algumas horas depois, já na virada da noite, apresentou as pulseiras de prata aos dois assaltantes que horas antes haviam entrado na casa lotérica e na fuga balearam o policial.

Cinco pessoas respondem ao processo de latrocínio, podendo cada um pegar até 30 anos de cadeia!
Mas quem é o quinto processado?
Trata-se do mecânico Jean Felipe Mendes da Silva! Ele estava na oficina quando os policiais encontraram o carro ainda com manchas de sangue do assaltante ferido pelo policial!
Mas então ele está sendo processado por estar “no lugar errado, na hora errada?”
Não! Ele está sendo processado muito provavelmente por dito a “palavra errada” na hora errada.
Ao ser interpelado pelos policiais sobre a procedência e propriedade do veiculo na porta de sua oficina, Jean teria respondido:
– Sei não, sargento… Esse carro está parado aí faz dois dias!
Carro parado há dois dias, ainda com o sangue quente do assaltante!!!
Segundo as investigações, o assalto foi executado pela dupla Handerson Gonçalo Evangelista Adriano Viana de Oliveira. O VW Passat teria sido emprestado pelo casal Thamires Danielle Ferreira e Ângelo Gabriel Francisco Cota da Silva, os quais também deram guarida à dupla de assaltantes na fuga, assumindo portanto, toda e qualquer consequência do assalto!
Jean Felipe, o mecânico que, querendo ou não, tentou despistar a policia ao dizer que “o carro estava parado ali há dois dias”, deve responder por obstrução do trabalho policial.
Nos corredores do Fórum esta tarde, pudemos ouvir que a família de Jean Felipe quer que seja feita justiça! Coincidência ou não, é exatamente isso que a família do Sub-tenente Gabriel, bem, bem como a policia e toda sociedade quer… Que seja feita… justiça!
O veredito deverá ser anunciado nas próximas semanas!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s