Aconteceu o 2º homicídio de 2015 em Pouso Alegre

Cristiano recebeu o golpe de faca nas costas aqui...

Cristiano recebeu o golpe de faca nas costas aqui…

O sinistro aconteceu às três da manha desta terça, 03, na “baixada do Mandu” a poucos quarteirões do centro da cidade. Cristiano “Roco” estava na companhia de outros nóias em um uma tapera na margem esquerda do Mandu, a quarenta metros da ponte do Dique II, quando desentendeu-se com os ‘amigos’ e foi agredido. Ele recebeu um pequeno golpe de faca no lado direito das costas e saiu correndo em direção à Avenida Dique e depois ao Terminal Rodoviário pedindo socorro. Correu até um trailer de lanches na entrada do terminal onde caiu e não se levantou mais.

O corpo do jovem foi submetido a exames de necropsia na manha desta terça no IML local. Ao contrario do que veiculou através da “central de boataria”, ele não foi ferido no coração, pois o único golpe recebido foi nas costas, no lado direito, ao passo que, como a imensa maioria dos homens, tem o coração no lado esquerdo! – O único homem que recebeu um tiro no lado direito do peito e teve o coração atingido e morreu em virtude do tiro foi o famigerado “Fernando da Gata”, “Os últimos dias de Fernando da Gata – http://www.meninosquevicrescer.com.br”… Só que ele estava de perfil! No caso de Cristiano Roco, se ele tivesse sido socorrido no local ou mesmo se tivesse andado lentamente até a beira da avenida em busca de socorro, teria evitado a hemorragia fatal!

... E correu pedindo socorro até morrer ali!!!

… E correu pedindo socorro até morrer ali!!!

A delegacia de homicídios de Pouso Alegre assumiu, ainda pela manhã, as investigações. Embora frequente e tenha sido morto nas cracolandias das margens do Mandu, Cristiano, apelidado pelos ‘nóias’ de “Roco”, não era conhecido no meio policial de Pouso Alegre. Tudo que se sabe é seu primeiro nome e seu apelido. Tem o corpo cheio de tatuagens, daquelas que procura associá-lo aos crimes cometidos ou à facções criminosas. Um delas na perna diz: “Guerreiro ferido, mas não morto”! A autopsia revelou também que ele era contumaz usuário de drogas há vários anos.

A delegacia de Homicídios de Pouso Alegre já identificou o provável assassino de Cristiano “Roco”. Segundo o delegado Gilson Baldassari responsável pelo caso e seu pupilo Ozanan, ele é figurinha fácil no álbum da policia, tem 31 anos e está em liberdade condicional deste o final do ano passado. Por enquanto a policia não tem seu paradeiro… mas a batata está assando pra ele!

 

 Abrace seu filho… Não deixe que as drogas o abracem!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s