Paciente é furtada no hospital

Ao perceber o sumiço do celular, o amigo ligou para o número da vítima… E o Motorola ‘sumido’ tocou no bolso do paciente ao lado!

Porque pessoas normais, do cotidiano, não podem ver um aparelho celular dando sopa que já querem logo adotá-lo e leva-lo pra casa?
Qual a magia, qual o feitiço que ronda esse aparelhinho, e faz com que pessoas acima de qualquer suspeita, de uma hora para outra, de tornem ladrões?
Em qual curva do caminho as pessoas de bem perderam a noção de honestidade?
O que explica que um sujeito até então incólume veja uma pessoa se levantar e esquecer no banco seu aparelho celular e ao invés de dizer: “Oi, você esqueceu seu celular”!, ele cruza os dedos e fica esperando a pessoa se afastar para pegar o objeto alheio e esconder na algibeira?
Será que estes aparelhinhos, menina dos olhos da sociedade higth tech, tem algum ímã que atrai e faz aflorar o larapio que habita cada um de nós?
Enquanto ‘meu’ amigo Sigmund Freud não responde a estas indagações, vou contar a ultima do gênero…!
Madrugada fria de quarta-feira,23, na recepção particular do Hospital Regional Samuel Libanio em Pouso Alegre… Poucos pacientes aguardam sonolentos o momento de serem atendidos.
Quando chega a vez de Suelen, ela se levanta e vai para a sala de atendimento… E deixa seu Motorola G4 sobre o banco na sala de espera, ao lado do seu acompanhante.
De repente o aparelhinho não está mais sobre o banco na sala de espera!
Coincidentemente, outro paciente que estava sentado ao lado se levanta e se afasta…
Denis pega seu aparelho e liga para o de Suelen…
O paciente que estava ao lado leva a mão ao bolso e desliga seu aparelho, sem atender…!
Denis volta a ligar…
O paciente na sala de espera, volta a desligar seu aparelho dentro do bolso…!
Não tem jeito. Denis e o tal paciente de 36 anos discutem. O moço se vexa, se altera, sai correndo e entra no banheiro.
Denis chama a policia…
Um minuto depois o tal paciente sai do banheiro…
Denis entra no banheiro…
E lá está o Motorola G4 da adolescente Suelen sobre o lavatório…!
O tal paciente, que por duas vezes desligou ‘um’ celular dentro do bolso, desiste da consulta e sai de fininho…
… Mas ele já havia preenchido a ficha de atendimento na recepção! Ele mora na Rua Doutor Cicero Rosa, no bairro da Saude…
Semana que vem ele deverá receber um ‘convite’ para ‘visitar’ a Delegacia de Policia.
… Ele é só mais uma vitima do ‘feitiço’ dos celulares!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s