PM prende ‘formiguinha’ em Cachoeira de Minas

Fogueira de CachoeiraA prisão do traficante formiguinha ocorrida neste sábado, 10, na ‘terra do biscoito’, é do tipo: “sonho de consumo de todo policial”! Antes de chegar ao meliante os policiais abordaram um nóia saindo de sua casa com três barangas! E ele disse com todas as letras:

– Comprei do João Lucio!

Antes de armar a arapuca para pegar o formiguinha, os homens da lei de Cachoeira de Minas receberam a informação de um amigo oculto que dizia o seguinte:

– O João Lucio costuma vender a droga no Bar do Betinho! Ele fica por ali à espera dos nóias e quando eles aparecem, João Lucio vai até sua casa, pega a droga e no caminho do bar entrega ao cliente! Ele costuma carregar uma faca com ele… – enriqueceu de detalhes o amigo oculto da lei.

De posse da valiosa informação os policiais militares se postaram à distancia e armaram a arapuca. Quando viram o cidadão Diego Honorio Aparecido saindo da casa de João Lucio, deram o pulão. Diego foi pego com três barangas de farinha do capeta e imediatamente abriu o livro:

– Sou usuário! Acabei de comprar do João Lucio por vinte reais?

Instalado o flagrante os policiais entraram na casa de João Lucio sem esperar convite! E ainda bem que não esperaram, pois João Lucio já tentava vazar pelos fundos do quintal levando outras dez barangas e o resultado da ‘transação comercial’ de farinha na algibeira. E também uma faca junto ao tornozelo esquerdo! No local do crime João Lucio disse aos policiais que havia entrado no ramo comercial de drogas há duas semanas. Já o nóia que adquiriu a droga e caracterizou a traficância disse que compra dele há mais de um ano!

Na delegacia de policia de Pouso Alegre, onde sentou ao piano do paladino da lei, João Lucio naturalmente optou pelo silencio. Disse apenas uma frase?

– Só vou falar em juízo – E subiu silencioso e taciturno para o Hotel Recanto das Margaridas em Santa Rita do Sapucaí!

João Lucio, cujo nome de batismo é João Paes da Silva, tem 62 anos. Ele assinou seu ultimo 33 em novembro de 2009, recebeu a reprimenda de 2 anos e dois meses de cana e passou boa parte desse tempo hospedado no Hotel do Contribuinte  vendo o sol nascer quadrado…!

Ah, o nóia Diego Honorio, 28, que sem querer derrubou a casa do João Lucio, embora ja tenha assinado um 180, um 147 e um 33, desta vez assinou apenas o 28…!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s