PM prende usuario com meio quilo de maconha dentro do baú da cama box

 

Bau da cama box... Um esconderijo bem original!

Bau da cama box… Um esconderijo bem original!

Eram quase duas da manha abafadinha deste domingo, 20, quando a câmera do sistema de segurança Olho Vivo instalada na pracinha Jorge Beltrão acusou o crime…! Através do olhão de vidro, cujas imagens são transmitidas em tempo real, lá no quartel da PM, o policial viu quando um sujeito negro, alto, magro, usando calça de moletom azul, camisa cinza e blusa azul amarrada no rosto se aproximou de um casal de pombinhos, sacou uma faca e fez a indecorosa proposta:

– Passem a carteira e o celular… Senão faço picadinho de vocês!

Uma hora mais tarde, quando procurava pelos assaltantes de pombinhos indefesos na região central da cidade, a dupla “Olho Vivo & Faro Fino” avistou um sujeito com pinta de somongó, com um objeto luminoso na mão, na Rua Mons. Jose Paulino. Quando Ferreira & Fernandes se aproximaram do noctívago para, quem sabe…, pedir informação, o moço enfiou-se por baixo de uma porta de aço e sumiu no interior da casa.

 

A maconha havia acabado de chegar de moto, do São João!

A maconha havia acabado de chegar de moto, do São João!

Ao ouvir  toc-toc dos policiais na porta de sua casa, o moço tentou desesperadamente dobrar a serra do cajuru através do telhado…! Só não conseguiu porque a tampa da caixa d’água se quebrou e denotou sua fuga. Mesmo assim o moço não se entregou! Procurou um novo esconderijo… – Me fez lembrar Reinaldinho em 2007, em Santa Rita do Sapucaí! – Ele se escondeu dentro do forro do sofá!

O fujão no entanto, é bem conhecido da casa! Ele é Bruno Faria Wood e mora ali mesmo na Rua Mons. Jose Paulino! O motivo da fuga alucinada pelo telhado era… Meio tijolo de Maconha!!!

Antes de se esconder no bau da cama box, Bruno escondeu a droga dentro do colchão do irmão mais novo!

Mui amigo esse irmão!

Bruno Faria Wood, 24, além de conhecido no local em que foi preso, é velho conhecido também da policia. Assinou seu primeiro 155 em 2010. Depois disso já respondeu por ameaças, resistência, porte de arma de fogo e lesões corporais. Estava em liberdade desde o final de abril.

Sua ultima aparição nas paginas policiais aconteceu há três meses. No final da tarde de sábado 27 de junho, Bruno quase zerou seus débitos com a justiça. Depois de horas bebendo na companhia do amigo Edmilson Ribeiro Severino, na Tijuca, eles se desentenderam e o amigo tentou mata-lo a golpes de faca. Um dos golpes desferidos por “Mancha”, seu amigo de copo e da onça, atingiu seu pescoço. Mas ele foi salvo pelos anjos do Samu!

Depois de contar com detalhes a procedência do meio quilo de maconha encontrado debaixo do colchão da cama do irmão mais novo, Bruno Silva Wood desceu pra DP, sentou ao piano, assinou o… 28! Apesar da quantidade de  erva, o douto delegado plantão aceitou seus argumentos de que a droga era para consumo! Em novembro Bruno voltará a sentar ao piano do Homem da Capa preta…!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s