Duplo homicídio e suicídio no São João

Cidadão cumpre ameaças e mata ex-amante e a mãe dela… E em seguida se mata!

O sinistro aconteceu pouco depois do crepúsculo desta terça na Rua Caldas, no bairro São João em Pouso Alegre. Chamados por vizinhos que ouviram os tiros, a policia militar esteve no local e encontrou três corpos caídos dentro da casa. Um deles, Elias de Souza, 33 anos, já estava morto. Jurema de Fatima Oliveira e a filha Helen Aparecida Nascimento, foram levadas para o hospital Regional em estado grave.
O relacionamento – extremamente conturbado – entre Elias e Hellen começou cedo, em 2012, quando Hellen tinha ainda 12 anos. Aos 13 ela já estava gravida do primeiro filho dele, e aos 15 anos já tinham dois filhos em comum!
Não obstante os BOs que se tornaram rotina na vida do casal, Elias e Hellen viviam entre tapas & beijos, entre socos & ameaças. Desde 2013 até o inicio da noite desta terça, a Policia Militar registrou exatamente 13 BOs envolvendo o casal e os familiares dela!
Em virtude das agressões sofridas pelo ora amásio, ora ex-amásio, ora amásio, ora ex-amásio, Helen já passou pela delegacia de proteção à mulheres, pelo pronto socorro, pelo IMl, pelo gabinete do Homem da Capa Preta, já solicitou Medidas Protetivas – previstas pela Lei Maria da Penha – contra o amásio, já retirou Medidas Protetivas contra o amásio, até que finalmente Elias cumpriu as ameaças anteriormente proferidas contra ela e seu familiares!
Nesta tarde ele foi à casa dela, aproveitou que o portão estava aberto, entrou de arma em punho – segundo testemunhas – e deu-lhe um tiro na cabeça. Jurema, mãe de Helen, tentou interferir e também recebeu um tiro na cabeça.
Elias de Souza, 33 anos, era casado com D.S.G.S., com quem vivia na Rua Uirapuru, há poucos quarteirões do local onde viveu seu conturbado romance com Hellen. Ele respondia na justiça pelos crimes de lesões corporais, ameaças e perturbação do sossego. Ao pé da letra deveria estar respondendo também por ‘estupro de incapaz’, já que manteve relações sexuais com a garota quando ela tinha apenas 12 anos de idade!
Imediatamente após atirar na ex-amásia e na mãe dela, Elias atirou na própria cabeça e morreu no local.

Na infância e na adolescência  Elias queria ser jogador de futebol. Treinou nas principais  escolinhas de futebol de Pouso Alegre e região. Era conhecido pelos colegas e treinadores pelo apelido de “Biscuila”…! “Era magrelinho, e desde aquela época já era meio doidinho” – disse um ‘boleiro’ que jogou com ele nas escolinhas de futebol de base, ao saber da tragédia. A arma usada no duplo crime, um revolver Taurus 38, com três cápsulas vazias e duas intactas, estava ao lado do assassino suicida.

No momento do crime, Helen segurava um dos filhos do casal e este naturalmente caiu dos seus braços, mas não foi atingido pelos tiros.

Por volta de onze da noite, cinco horas depois de serem atingidas pelos tiros, Hellen Aparecida do Nascimento, 16, e a mãe Jurema de Fatima Oliveira, 43, morreram no Hospital Regional Samuel Libânio.

Anúncios

5 respostas em “Duplo homicídio e suicídio no São João

  1. Infelizmente, chego a conclusão que a justiça ainda continua sem ação, foram registrados 13 BO e o cara continuava numa boa, esse elemento não era pra estar na cadeia?

    Curtir

  2. É impressionante como nossa justiça é falha. Como pode um homem com tantos B.Ó.s nas costas ainda estar livre por aí? Poxa vida! Estas vidas poderiam ter sido poupadas se nossa justiça funcionasse. Isso é revoltante d+. E os filhos dela agora?
    Que Deus conforte o coração de todos os familiares, tanto dela, quanto dele….

    Curtir

  3. Um a menos para fazer peso no planeta Terra, pela quantidade de BOs que esse lixo tinha, e pelas contas aqui, se em 2012 ela tinha 12 ANOS, ele tinha 29, família dela também está de parabéns, coitado das crianças que pagam o pato por ser criadas em um ambiente assim

    Curtir

  4. E cadê o conselho tutelar da cidade de Pouso Alegre que não interveio num caso escancarado de estupro presumido?? Afinal, não existe a premissa de consensualidade antes dos 14 anos, é estupro presumido.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s