Pedra, erva e farinha em São Gonçalo do Sapucaí

O tráfico de drogas na velha, quase tricentenária, cidade dos Inconfidentes, sofreu três reveses nesta quarta-feira,30 de agosto. Uma ‘guardadora’ de crack e um formiguinha foram presos. Só faltou ‘alcançar’ o dono de uma bolsa, que estava com meio quilo de maconha e 164 barangas de cocaína, recém chegada do Vale do Paraíba!

Droga que Marcia Batista apenas ‘guardava’ em sua casa para o “Binho”

A primeira investida da policia foi mediante mandado de busca & apreensão, às sete da manhã, no bairro São Jose. Marcia Batista Rodrigues recebeu os homens da lei na porta da sua casa. Ao ser interpelada sobre a denuncia de trafico que pairava sobre sua cabeça, ela foi franca e mostrou onde estava a droga, debaixo do sofá da sala: 100 pedras beges fedorentas prontinhas para o comercio. Mas deixou bem claro:
– Eu não vendo nada, sargento! Não sou traficante! Eu apenas guardo a droga para o “Binho” em minha casa. Em troca ele mantém as despesas da minha casa! – Declarou a jovem de 19 anos.
Ainda segundo a ‘guardadora’ de droga, até uma semana atrás ela guardava também um revolver para o traficante Anderson Jesus Bento, o “Binho”, que já estava com pulseiras de prata na viatura policial.
E já que o negocio da Marcia era guardar, ela sentou ao piano, assinou o 33 e foi ‘guardada’ no Hotel do Juquinha!
A segunda prisão do dia aconteceu no final da noite, no bairro Inconfidentes. Jeferson Teodoro Vicente foi preso com 10 barangas de maconha. Ele tentou vazar, tentou espernear e finalmente depois de preso tentou tapar o sol com a peneira, dizendo que a droga é para satisfazer o próprio vicio. Mas acabou assinando o 33.
No momento em que a polícia fazia a prisão de Jeferson Teodoro Vicente, amigos ocultos da lei se empolgaram, digitaram o 190 e denunciaram que um guampudo havia acabado de chegar do Vale do Paraíba trazendo uma bolsa cheia de drogas. Segundo a denúncia, o traficante estava exibindo a droga na Praça da Comunidade.
Ao perceber a chegada dos homens da lei, o traficante passou sebo nas canelas e tentou dobrar a serra do cajuru. Para ficar mais leve e facilitar a fuga ele deixou a valiosa bolsa para trás. Na bolsa havia um tablete de meio quilo de maconha, 125 barangas de farinha do capeta, uma balança de precisão e um caderno de anotações da clientela.
Welquer da Silva Nogueira, 18, conseguiu driblar e ganhar a ‘batalha’ dos policiais… mas perdeu a ‘guerra’ para a lei! Ele foi identificado e a policia já tem a materialidade do crime!
A batata está assando pra ele…!

* Noticia de ultima hora… o Kamikase caiu! Leia logo mais.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s