Tentaram matar o Tatá a tiros… de novo!

E desta vez não foi por causa de drogas!

O crime aconteceu no final da madrugada deste sábado, 29, na danceteria PJ, no bairro Boa Vista em Pouso Alegre. O tiro acertou no braço de Thalisom Yago da Cruz, o Tatá. Os motivos da tentativa de homicídio não ficaram muitos claros. No entanto, segundo a PM apurou no local, o crime teria sido passional. Os tiros teriam sido disparados pelo jovem Gustavo Alexandre Ferreira, 21, namorado da jovem “Fernanda” e ex-namorada de Tatá.
Fernanda contou aos policiais, que estava no interior da danceteria, quando Tatá se aproximou e atirou um copo de cerveja em seu rosto. Após provoca-la, o ex-amasio pulou sobre ela, jogou-a ao chão e desceu-lhe o borralho. A agressão só terminou com a intervenção da “turma do deixa disso”. Ao deixar o interior da danceteria, Tatá foi então alvejado pelo atual namorado de Fernanda.
Tatá e Fernanda foram levados pela PM para o PS do Hospital Samuel Libanio. Ela recebeu os curativos e foi liberada. Ele, ficou internado para cirurgia.
Gustavo Alexandre Ferreira, 21, deixou o local do crime em um Ford Fiesta branco e dobrou a serra do cajuru, sem dar entrevistas. Mas a batata está assando pra ele.
Esta não foi a primeira vez que tentaram matar Tatá a tiros. Em 2015, quando ainda contava apenas 17 anos, ele figurou em boletins policiais dez vezes. Numa delas, no dia 20 de setembro, um desafeto do tráfico – ruim de pontaria -descarregou o trabuco em sua direção, na porta de sua casa no Jardim São João.
Depois de completar 18 anos, este é o terceiro BO de Thalyssom Yago da Cruz. Ele foi preso com drogas no dia 16 de dezembro de 2015, uma semana depois de virar ‘gente grande’! No dia 10 de outubro do ano passado caiu outra vez com drogas.
Pelas agressões à Fernanda, a ex-cara-metade, Tatá deverá assinar um 129 com tempero de Maria da Penha!

Anúncios

2 respostas em “Tentaram matar o Tatá a tiros… de novo!

  1. Airton, faz uma reportagem sobre os usuários de drogas que estão dominando o bairro de fátima. Já reclamamos no 190, no 181, na ouvidoria, fizemos BO, criamos grupo de vizinhança vigiada com a PM e eles não fazem nada. Já vi voce passando pela area verde do bairro, talvez ja deva ter notado os usuários. Eles usam na luz do dia, em frente de crianças e qualquer um que passe. Quem sabe, noticiando o caso aqui, alguma autoridade faça alguma coisa.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s