“Mancha” caiu de novo

Caiu antes de levantar, pois já estava preso!

A pequena apreensão de drogas aconteceu ao pé da noite deste domingo, 16, no interior do apartamento 34 do Hotel do Juquinha. Os agentes foram visitar a sobredita cela, atendendo denúncias de amigos ocultos da lei. Embalada em saco plástico as 31 barangas de maconha estavam dentro do ‘boi’ presas por um fio de nylon. No mesmo vaso sanitário rente ao chão, junto com a erva proibida, havia também um aparelho celular. Edmilson Ribeiro Severino assumiu a paternidade do ‘kit’!
Essa não foi a primeira vez que Edmilson Ribeiro Severino, 35 anos, assinou um 33. Aliás, o 33 da Lei 11.343 é apenas um dos artigos – repetido – conhecidos na caminhada de Edmilson. Ele conhece também o 155 e o 157 do CP. Até este colunista já foi vitima dele! Conhece também – os dois gumes – do 121 c/c 14 do CP. Já tentou matar um desafeto de copo – em 2015 – e já sentiu o frio de uma lapiana, cujos golpes foram desferidos pela ex-amasia que o queria a mais de duzentos metros dele – ano passado.
O 33 assinado por Edmilson “Mancha” Ribeiro Severino neste domingo, foi apenas mais uma ‘mancha’ na sua carreira criminosa! Mancha assumiu a paternidade da droga mas não explicou como ela chegou até ele no interior do presidio!

Anúncios

Uma resposta em ““Mancha” caiu de novo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s