Policia prende preso no presidio…

… O fugitivo da APAC havia usado o nome do primo ao ser preso com drogas!

Denuncias de amigos ocultos da lei levaram a policia militar a uma biqueira de drogas em São Gonçalo do Sapucaí no meio da tarde desta sexta- feira,27. No local, uma tapera abandonada, os policiais prenderam quatro sujeitos: Joaquim Gabriel Souza Ângelo, 24, Douglas Oliveira de Franca, 31, Igor Orozimbo da Silva, 20 e Anderson Eduardo Xavier Paz, 20. Com eles foram apreendidas pequenas porções de drogas que caracterizam tanto o uso quanto o trafico de drogas. Segundo levantamentos da PM, Douglas e Quinzinho são ‘empregados’ do notório traficante “Inhainha”, da terra de ‘Barbara bela…’! Ele não estava presente no muquifo para receber as pulseiras e prata.
No inicio da noite se sexta, depois de sentarem ao piano e assinaram o 33, Douglas e Quinzinho foram se hospedar no conturbado Hotel do Juquinha. Ambos deram números redondos à superlotação do presidio: 800 presos!

Ao usar o nome do primo para assinar o 33, Ricardo Inojosa 'engordou' um pouquinho sua capivara!

Ao usar o nome do primo para assinar o 33, Ricardo Inojosa ‘engordou’ um pouquinho sua capivara!


Mas será que eles eram ‘eles’ mesmo?
Joaquim Gabriel Souza Ângelo, o “Quinzinho”, não despertou suspeita. Mas Douglas Oliveira de Franca tinha uma tremenda cara lavada!
– Parece que eu já vi essa cara com outro nome! – pensou um dos agentes do presídio.
– Ele me lembra um antigo preso, de Camanducaia, que foi transferido para a APAC! Um tal de Inojosa – pensou outro!
– Parece que eu vi a cara dele no Blog do Airton Chips esta semana! – pensou um terceiro.
E viram mesmo!
A cara grande de Inojosa está estampada no Blog desde o início da semana. Ricardo Bezerra de Inojosa, 31, é um dos quatro presos que desistiram da “recuperação” e fugiram da APAC no final da noite do último domingo! Um deles, o Adalberto Resende da Costa, se arrependeu e voltou para a
APAC de livre e espontânea vontade dois dias depois. Ricardo Inojosa foi vender maconha em uma biqueira em São Gonçalo.
Ao ser submetido a exames de biometria, o fujão da APAC finalmente abriu o livro…
– Eu sou mesmo Ricardo Inojosa. Quando caí em São Gonçalo eu dei o nome do meu primo, Douglas Oliveira de Franca! – confessou o fujão.
Caída a máscara, o traficante de São Gonçalo e fujão da APAC, dono de extensa ficha criminal onde se vê furtos, roubos, extorsão e trafico de drogas, foi fazer uma breve visita à delegacia de policia onde sentou ao piano e assinou mais um BO para engordar a capivara… Falsidade ideológica!

* Ah, o “primo” Douglas Oliveira de Franca existe, e responde a processos por ameaça, furto e tentativa de homicídio!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s